Textos

ESTRELA DALVA

Lembra amor
Daquela estrela
Que brilhava lá no céu

Enquanto amantes se amavam
Lá no céu ela brilhava
Lá no céu ela brilhava.

Ela sempre brilhou
Ela sempre irá brilhar
Pra fazer mais lindas as noites
De quem vive para se amar.

Pra inspirar seus poetas
Fazer versos pra você cantar

Estrela matutina ou vespertina
Vem me iluminar menina
Me encher de inspiração.

Estrela matutina
Ou vespertina
Escondido na surdina
Amantes se entregam ao amor

Estrela matutina ou vespertina
Vem me iluminar menina
Me encher de inspiração.


Elivaldo Pereira
Enviado por Elivaldo Pereira em 08/02/2008
Alterado em 18/03/2012


Comentários